fio-chuveiro-derretido

 

A resistividade dos materiais

A natureza da corrente elétrica e suas características intrínsecas geram aquecimentos naturais nos condutores elétricos cuja estrutura molecular possui uma resistência específica, chamada de resistividade específica. Cada material na natureza possui a sua resistividade específica, e este valor é usado para classificar quais materiais facilitam e quais materiais dificultam a passagem de corrente elétrica.

Quanto menor a resistividade do material melhor condutor elétrico este material será. De acordo com sua resistividade e preço de mercado, o cobre é o condutor mais usado comercialmente.

 

Por que a emenda do chuveiro derrete?

Caso sejam mudadas as características dos condutores, o aquecimento vai aumentar além do suportado e neste momento acontece o derretimento da proteção plástica do cabo. Nas emendas de cabos existem um maior aquecimento pois nenhuma emenda possui as características mecânicas originais do cabo. Se bem executada a emenda, o aquecimento extra será suportável e inclusive está previsto nos cálculos. Caso a emenda não seja bem executada, além de prejudicar a instalação o aquecimento vai aumentar o consumo de energia elétrica e seus gastos com a conta de luz.

No caso do chuveiro, o que ocorre é que a corrente demandada para seu funcionamento é muito alta (normalmente em torno de 40A para uma instalação em 127V), inclusive é a mais alta de todos os equipamentos de uma residência. Caso o cabo que alimenta o chuveiro esteja sub dimensionado, o aquecimento será muito alto e provavelmente o primeiro lugar onde será percebido este aquecimento será na emenda entre o cabo e o chuveiro.

Para que não haja derretimento, é necessário ter uma instalação elétrica adequada, seguindo os padrões e critérios do projeto elétrico. O cabo deve ser bem dimensionado de acordo com a especificação da potência do chuveiro. O chuveiro deve estar ligado em um circuito próprio onde não haja mais nenhum eletrodoméstico ligado e o disjuntor corretamente dimensionado para evitar acidentes.

Com toda sua instalação bem dimensionada, o próximo ponto importante é realizar a emenda através de conector apropriado de cerâmica. Este conector múltiplo é uma conexão eficaz que mais se aproxima das características mecânicas originais do cabo, diminuindo o aquecimento a níveis toleráveis.

 

Os perigos

A má instalação elétrica do chuveiro pode ocasionar vários problemas, começando pelo derretimento dos fios, podendo queimar o chuveiro, sua fiação elétrica toda e até pegar foto na sua casa dependendo da situação, como forro de madeira, produtos inflamáveis por perto, entre outros.

Um chuveiro com fios expostos e uma ligação elétrica mal feita é prejudicial por todos os danos acima citados que pode causar, além de aumentar o consumo de energia. Veja aqui os riscos da fiação exposta no chuveiro.

 

A ligação apropriada

Caso não exista, providencie um circuito elétrico independente, provido de um disjuntor com capacidade adequada, cujos fios elétricos devem estar conectados diretamente à ducha (ver características técnicas).

Verifique se a voltagem local é a mesma do aparelho.

A ligação entre os fios da rede elétrica e o aparelho deve ser feita através de um conector apropriado.

Conecte o fio terra (verde) do aparelho ao sistema de aterramento da instalação e isole.

 

IMPORTANTE:

Evite a queima da resistência deixando correr água para encher a câmara de aquecimento antes de conectar o aquecedor ao sistema de energia elétrica, quando da instalação do produto ou da substituição da resistência.

 
Veja também como instalar um chuveiro corretamente

 

Recomendações

Seu chuveiro está feito as ligações com qualquer tipo de fita que não seja isolante? Você toma pequenos choques ao encostar no registro? Você percebe que os fios do chuveiro estão derretendo? Chame com urgência um eletricista em Florianópolis para revisar e corrigir a sua instalação. Só assim você garante uma casa mais segura.

     

Fonte: FL, Marido de Aluguel Joinville, Marido de Aluguel Jaraguá do Sul

     

(Este conteúdo foi visitado 430 vez(es) | 1 visita(s) hoje)
Você também pode ser interessar por:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>